Café dos Amigos - Por Mais Sorrisos

julho 21, 2017

Fonte: Café dos Amigos 

 Por Mais Sorrisos é uma sessão de postagens apenas com o objetivo de apresentar ações, projetos, marcas, ideias, pessoas e tudo o que for para o bem da sociedade e do mundo. Nesse post conhecemos a ação social Café dos Amigos através das perguntas respondidas pelo Guilherme, um dos coordenadores do Café.

Como o Café dos Amigos foi criado?
 O Café dos Amigos nasceu ha dois anos e 2 meses porem o inicio de tudo se deu ha quase 3 anos onde por intermédio do Paulo - popularmente conhecido como Tio Paulo - eu fui convidado a realizar ações nas ruas, fazendo parte de um projeto da igreja católica na qual frequentava. A ideia desse projeto era ir - mensalmente - as ruas distribuindo 50 pães e café para as pessoas em situação de rua. Vendo aquilo tudo e a necessidade de algo ser feito, chamei um primo meu, o Arthur (que hoje é um dos coordenadores do projeto também) para ir para as ruas comigo, assim como eu a percepção é que algo tinha que ser feito, sendo assim fomos atras de referencias e novas pessoas engajadas com a causa, conhecemos o pessoal do Entrega por SP, um projeto que lida com a população em situação de rua nas ruas da capital paulista e encontramos uma grande diretriz para o caminho a ser seguido. A partir dai, junto dos novos coordenadores - Jackeline, Vinicius, Analee - começamos o projeto, com pagina no Facebook, identificação visual e identidade definida.



Uma publicação compartilhada por Cafe dos amigos (@cafedosamigos) em

Houveram mudanças no projeto desde que ele foi criado? Por quê?
 Sim, existiram. Criação de novas rotas, alterações nos itens dos kits, alteração no logo e frases da camiseta e o motivo resumido de todas as mudanças consiste no ouvir das ruas. A alteração das rotas aconteceu pela expansão do projeto - antes 50 pães, hoje mais de 300 pães por ação. Ja todos as outras alterações foram tomadas com a percepção dos voluntários em relação as necessidades dos nossos amigos das ruas. Um exemplo que parece besta é a mudança na camiseta do projeto, o modelo antigo continha uma mensagem em inglês que era questionada por grande parte dos moradores, logo vimos que não tinha sentido aquilo e alteramos nossa camiseta para o logo do projeto.

Hoje, qual a principal missão do Café dos Amigos?
 Ser instrumento e meio de levar o minimo de dignidade e amor para aqueles que dormem nas ruas e calçadas da região metropolitana. É dar cor para aqueles que são invisíveis.

Até onde querem chegar?
 Queremos chegar no nosso fim. Ainda que utópico e romantista demais esse é nosso objetivo: O dia que o Café dos Amigos não for mais necessário, o dia que não precisaremos nos preocupar com alguém dormindo nas calçadas do grande ABC e os termômetros marcando 7°C, 8°C..

Fonte: Café dos Amigos
A criação do projeto mudou a relação de vocês com o mundo?
 100%. A valorização do fator humano, do afeto, da sensibilidade com o outro é tomou outras proporções na minha visão após conhecer as ruas - digo as ruas pelo fato de ter feito trabalho voluntario nessa causa antes mesmo do Café. Mas, particularmente falando, o Café foi sim um grande divisor de águas na minha vida. Ainda bem

Já houve alguma situação inusitada durante a realização do projeto? (Conte-nos uma história que te marcou).
 Acho que a historias são o que não faltam nesses dois anos mas acredito que o momento que mais tenha me marcado foi na ação de novembro do ultimo ano em que encontramos uma moradora que era velha conhecida da gente, seu nome era Nina. Eu a conheço desde a minha primeira ação com o Tio Paulo, lembro de ter encontrado ela na primeira vez dormindo no pior lugar que já vi uma pessoa dormir: do lado de um córrego, no meio de muita sujeira, um odor muito forte de esgoto e um calor insuportável. Nina era usuária de crack ha mais de 30 anos, tinha dois filhos que estavam no mesmo caminho, enfim uma historia muito dolorida porem ainda assim nunca perdia seu bom humor e o jeito carinhoso. Nessa ação em questão, encontrei a Nina justamente no mesmo lugar que vi no nosso primeiro encontro, só que no caso já estava indo andar pelas ruas, ela estava com uma mochila do perna-longa e quando nos viu, já logo fiz a piada que sempre fiz com ela 'eai Nina, já virou santista?' (Ela era corintiana roxa haha)
Em meio a nossa conversa com o pessoal, cerca de 20 voluntários, ela me disse que era seu aniversario e que tinha ganho a bolsa por esse motivo. Por instinto natural do ser humano, disse que cantaríamos um parabéns e assim fizemos, nesse momento ela começou a chorar e me disse que não se lembrava a ultima vez que isso tinha acontecido.
Ali era o primeiro ponto de entrega da nossa rota e por mim, ali mesmo podia acabar. O relato da Nina causou um furacão de sentimentos e acredito que o resto da ação tenha feito no piloto automático. A Nina se emocionou com um simples parabéns - nem presente, nem bolo, somente um parabéns - e ali ganhei um abraço que nunca esqueci da minha amiga, que como todas as outras vezes que nos vimos me pediu uma roupa masculina, porque afinal de contas 'na rua ela tinha que ser maloqueira' hahaha
O fato triste é que foi o ultimo aniversario que ela comemorou aqui com a gente, a Nina faleceu cerca de 4 meses depois vitima de uma serie de doenças que, creio eu, foram fortalecidas com o vicio na pedra.


Como ajudar?
 Em nossa pagina do Facebook e conta do Instagram divulgamos todas nossas ações. Vale salientar que toda ação do Café é realizada através de doações de voluntários e empresas parceiras. Sendo assim, toda ajuda e valida de um compartilhamento de postagem ate a doação de dinheiro ou itens. Alem disso, a participação in loco no dias das ações é algo que valorizamos muito.

  E essa foi a entrevista. O Guilherme me mandou um arquivo muito interessante que conta detalhes sobre a criação, como funciona o projeto e percebi que existem algumas etapas. Antes da entrega existe a Pré-ação que ocorre toda a sexta-feira que precede a entrega e é o momento em que ocorre a separação dos alimentos, preparação dos kits etc, tudo muito bem organizado. A partir dessa ação, eles revitalizaram uma praça que é chamada de "Praça Café dos Amigos" em Diadema/SP, ponto de encontro para todas as ações.

 Fico emocionada em perceber as ações que rolam tão pertinho de nós e nem sabemos. Eu já curti a página do Café dos Amigos, e vocês?

You Might Also Like

0 comentários

Popular Posts

Agenda

  • 16/07 Samuca e a Selva na Casa Amarela
  • 23/07 Jazz na Rua na Praça das Artes
  • 30/07 Ocupação Teatro do Osso: 'Canto para Rinocerontes e Homens"

Postagem em destaque

Cupom de Desconto Vaniday Brasil

    Já sabemos que Vaniday é um aplicativo e site onde podemos agendar serviços de beleza sem sair de casa, não é? Mas não sabem ainda que ...